A cada cigarro menos 11 minutos de vida

Publicado em 01/06/2009

Calculam que fumar de maneira habitual encurta a esperança de vida em 6,5 anos
Valendo-se de estudos epidemiológicos, expertos do Reino Unido determinaram o real impacto sobre a saúde das pessoas.

Consumir um pacote de 10 unidades equivale a viver três horas e 40 minutos menos, enquanto que um cartão completo resta um dia e meio de vida do fumador.

Sempre tem se dito que o tabaco é nocivo para a saúde, que pode produzir câncer e que a longo prazo encurta a vida das pessoas. Um novo estudo realizado por um grupo de cientistas da Universidade de Bristol na Inglaterra, da mais precisão a estas advertências ao calcular que cada vez que um homem fuma um cigarro esta encurtando sua vida em 11 minutos. Como se fosse pouco, o estudo publicado pela revista cientifica British Medical Journal, afirma que os adictos ao tabaco diminuem em 6,5 anos sua esperança de vida por culpa dos cigarros.

De qualquer forma, este ultimo calculo rege unicamente para pessoas do sexo masculino que começaram a fumar aos 17 anos e não pararam até os 71.

O investigador inglês Richard Mitchell explica que estimaram que se um homem fuma como media 5.722 cigarros anuais a partir dos 17 anos de idade, e não deixa de faze-lo até os 71, haverá consumido um total de 311.688 cigarros em toda a sua vida.


Pesquisa dos dados
O doutor observou durante 4 décadas - começando em 1951 a mais de 34 mil médicos ingleses do sexo masculino. Todos eram maiores de 40 anos sendo alguns fumadores e outros não. Dentro dos resultados, Doll descobriu que a porcentagem de mortes de aqueles que fumavam era 3 vezes maior em homens entre 45 e 64 anos e o dobro para os que tinham entre 65 e 84 anos, em comparação com os não fumantes. É que os efeitos nocivos do tabaco vão além do câncer de pulmão. Os fumadores habituais tem mais possibilidades de apresentar sintomas de deterioro intelectual, como perda de memória, linguagem e capacidade de aprendizagem. Além disto triplica as possibilidades de dano cerebral e um fator de risco para as doenças cardiovasculares, entre outros numerosos males.


Jogos Matemáticos
Entenda o caminho seguido pelos investigadores ingleses para chegar a estabelecer que cada cigarro resta, em media, 11 minutos de vida a uma pessoa.

Primeiro calcularam que os 6,5 anos de diminui a expectativa de vida equivalem a 2.374 dias ou 56.976 horas ou a 3.418.560 minutos. Logo determinaram que o consumo de 5.772 cigarros ao ano multiplicado por 54 anos desde os 17 até os 71 dão como resultado 311.688 cigarros ao longo de toda a vida. Finalmente dividiram os 3.418.560 minutos perdidos pelos 311.688 cigarros fumados. Esta operação entrega a cifra de que perdem 11 minutos de vida por cada cigarro consumido.


+ Sobre essa Curiosidade:
Tags Relacionadas a "A cada cigarro menos 11 minutos de vida":
 Cigarro |   Doenças causadas pelo cigarro | 

 


Essa curiosidade foi lida 62028 Vezes | Tema: Ciências

Curiosidades Relevantes

Cigarro no Brasil é um dos Mais Baratos do Mundo
Ao invés de o governo querer recriar a CPMF com outro nome, por que não aumenta o imposto que incide sobre cerveja e cigarro, por exemplo? A carga tribut...
Leram 10575 Vezes

Curiosidades sobre o Cigarro
O vício do tabagismo é um dos mais preocupantes do mundo, e também um dos mais mortais. As organizações de saúde afirmam que o cigarro é a maior causa de mo...
Leram 1899 Vezes

Os Curiosos Estão Lendo:

Cães atribuem ao seus donos a figura de pai e mãe
Um estudo científico sugeriu que os cães atribuem aos seus d...
Leram às 07:17:33 - 24/07/2014
O Registro Mais Antigo de Um Cometa
Constelação tem como conceito um determinado grupo de estrel...
Leram às 07:17:30 - 24/07/2014
Por que os médicos escrevem tão mal?
Muitas pessoas se perguntam “por que será que a letra dos mé...
Leram às 07:17:30 - 24/07/2014

Contato | Assinar RSS | Curiosidades no seu Email | Sitedecuriosidades.com - Todos direitos reservados |

Pesquisa Escolar, Curiosidades 10, Site de Jogos Online, Mensagens

Copyright © 2014 - Site de Curiosidades

Antes de copiar as curiosidades, leia aqui sobre as regras de distribuição de conteúdo.