CuriosidadeUniversoNasa lança sonda Maven para estudar a órbita de Marte

Nasa lança sonda Maven para estudar a órbita de Marte

Img Mobile - Nasa lança sonda Maven para estudar a órbita de Marte
Img - Nasa lança sonda Maven para estudar a órbita de Marte




A Nasa realizou o lançamento da sonda Maven. O equipamento será utilizado para estudar a órbita de Marte. O objetivo é que a sonda seja usada para investigar a realidade da atmosfera do planeta vermelho para que, nos próximos anos, a Agência Espacial Americana possa enviar uma missão tripulada para Marte.

De acordo com a Nasa, a sonda Maven já ficou presa pela gravidade de Marte em sua órbita. O aparelho fez uma viagem de 10 meses, por mais de 700 milhões de quilômetros.

A sonda vai coletar dados sobre a composição da atmosfera de Marte. Os dados serão analisados para que os cientistas possam entender como o planeta vermelho perdeu sua água.

A Maven também deve ajudar os pesquisadores a conhecem melhor as camadas que formam a atmosfera e a ionosfera marciana. A primeira missão que testará os instrumentos da sonda será realizada em outubro de 2014.

O estudo da atmosfera e do clima de Marte será útil para que o homem possa seguir em uma missão tripulada para o planeta vermelho. A sonda Maven é a primeira a ser enviada para estudar a fundo as camadas externas de Marte.

O equipamento foi projetado dentro de um projeto realizado pela Nasa em parceria com a Lockheed Martin, a Universidade do Colorado e a Universidade da Califórnia.





Img - Nasa lança sonda Maven para estudar a órbita de Marte
+ Sobre essa Curiosidade: Marte Satélite
Comentários:

Curiosidades Relevantes

Nos siga

O site dos curiosos.

Curiosidades Diversas

Veja também

  • A Origem da Conservação dos Alimentos
  • Os gases de caráter
  • Entenda todos os tipos de contatos imediatos
  • Siglas de Internet
  • Intoxicação por cafeína pode te levar à morte
  • Curiosidades Sobre a Bíblia
  • O que acontece com a água do mar na maré baixa?
  • Origem do Carnaval

Você Sabia?

Ficar acordado por 2 semanas pode levar à morte.