CuriosidadeUniversoNovo cinturão de radiação da Terra foi descoberto

Novo cinturão de radiação da Terra foi descoberto

Img Mobile - Novo cinturão de radiação da Terra foi descoberto
Img - Novo cinturão de radiação da Terra foi descoberto




Pesquisadores da NASA – a Agência Espacial norte-americana, encontraram um novo cinturão de radiação da Terra, o chamado terceiro anel de Van Allen. Trata-se de uma formação responsável pela formação das auroras boreais e austrais.

Os dois primeiros anéis de radiação da Terra foram descobertos por James Van Allen, em 1958. Eles circundam o planeta na região do Equador.

Agora, o terceiro anel, que foi encontrado pelas sondas espaciais gêmeas RBSP (Radiation Belt Storm Probes, era instantâneo e foi destruído por uma onda de choque interplanetária.

A descoberta de um cinturão de radiação temporário em torno da Terra surpreendeu os cientistas e obrigou os astronômos a reavaliarem o modelo do Cinturão de Van Allen.

O novo cinturão de radiação ao redor da Terra mostrou-se como uma faixa de elétrons altamente energéticos embutida no Cinturão de Van Allen, região localizada entre 19.100 e 22.300 metros acima da superfície da Terra.

O novo cinturão de radiação foi encontrado no dia 02 de setembro de 2012 e durou 4 semanas. A faixa de radiação desapareceu complemente no dia 01 de outubro.





Img - Novo cinturão de radiação da Terra foi descoberto
+ Sobre essa Curiosidade: Terra Magnetosfera
Comentários:

Curiosidades Relevantes

Nos siga

O site dos curiosos.

Curiosidades Diversas

Veja também

  • Grande grupo de Ufos deixa a superfície da lua
  • O que é computação forense?
  • Por que beber água não alivia a ardência na língua ao ingerir comida picante?
  • Curiosidades sobre as eleições dos Estados Unidos e Vídeo do Discurso da Vitória de Obama (2008)
  • 13 coisas que você precisa fazer antes dos 30 anos
  • Bebida alcoólica pode prevenir AVC
  • Como funciona a produção de leite materno?
  • Comer terra ou barro faz mal?

Você Sabia?

Em um tempo de vida médio é possível afirmar que a pele humana é renovada mil vezes.