CuriosidadeTecnologiaOs prédios convencionais suportam qual velocidade máxima de vento?

Os prédios convencionais suportam qual velocidade máxima de vento?

Img Mobile - Os prédios convencionais suportam qual velocidade máxima de vento?
Img - Os prédios convencionais suportam qual velocidade máxima de vento?




Existem normas e padrões de segurança para a construção de edifícios altos no Brasil e no mundo. Esse desafio da Engenharia Civil é vencido com tecnologias avançadas e técnicas modernas de construção.

São várias as normas de projeto que fazem previsões às ações dinâmicas. No Brasil, a resolução NBR-6123/88, da Associação Brasileira de Normas Técnicas, é responsável por estabelecer os padrões de segurança das estruturas com frequência natural de 1 Hz ou menos. Essas construções devem ser projetadas através de análise dinâmica.

Os prédios são projetados para suportar ventos muito superiores ao valor máximo previsto para eles. A velocidade máxima dos ventos que os prédios podem suportar tem um valor nominal máximo e um coeficiente de segurança, que garante que o prédio foi construído para suportar no mínimo o dobro da carga máxima prevista.

Dessa forma, os prédios do Brasil e do mundo podem suportar ventos com velocidades superiores a 100 km por hora. Entretanto, é importante ressaltar que a ameaça do vento não está relacionada à sua força, mas sim à sua frequência.

Existem diferentes formas para se considerar os efeitos produzidos pelo vento em prédios. Todos os métodos tratam da carga estática equivalente à ação real, dinâmica, do vento. Segundo a norma brasileira, a velocidade média do vento produz efeitos meramente estáticos na estrutura dos prédios.

A NBR 6123/88 apresenta três modelos para o cálculo da ação do vento nas estruturas, são elas: as Forças Estáticas Devidas ao Vento, o Modelo Dinâmico Simplificado e o Modelo Dinâmico Discreto.





Img - Os prédios convencionais suportam qual velocidade máxima de vento?
+ Sobre essa Curiosidade: Prédio
Comentários:

Curiosidades Relevantes