CuriosidadeCiênciasQuais os perigos de inalar gasolina?

Quais os perigos de inalar gasolina?

Img Mobile - Quais os perigos de inalar gasolina?
Img - Quais os perigos de inalar gasolina?




Quando vamos ao posto de gasolina, dificilmente vemos algum frentista utilizando equipamentos de proteção individual. Essa situação expõe o profissional a um risco sério de desenvolver problemas de saúde.

Os combustíveis, entre eles a gasolina, podem ser muito prejudiciais quando inalados por longos períodos. Os vapores da gasolina, por exemplo, têm diversos elementos químicos perigosos, como o benzeno, que corresponde a 1% de sua constituição.

Os riscos de inalar gasolina incluem a possibilidade de desenvolver danos neurológicos, dor de cabeça, infecção pulmonar, tontura, entre outros sintomas. O produto também pode oferecer riscos quando entra em contato com a pele. Nesses casos, a gasolina causa ressecamento da pele e até dermatite.

Todos esses riscos relacionados à inalação dos vapores da gasolina fazem com que seja necessário que os trabalhadores de postos de combustível utilizem, no mínimo, uma máscara para inalação de vapores orgânicos, óculos protetor e botas de segurança.

Quando a gasolina é inalada em condições crônicas, ela também pode afetar o comportamento das pessoas. Estudos já confirmaram que inalar gasolina por muito tempo, mesmo em ambientes abertos, gera distúrbios comportamentais, como agressividade, ansiedade e falta de controle das emoções.





Img - Quais os perigos de inalar gasolina?
+ Sobre essa Curiosidade: Saúde Droga
Comentários:

Curiosidades Relevantes

Nos siga

O site dos curiosos.

Curiosidades Diversas

Veja também

  • Curiosidades sobre o Letreiro de Hollywood
  • Como fazer uma baliza perfeita
  • Casal perde 80 quilos depois de dificultar decolagem de avião
  • A verdadeira idade dos cachorros
  • Qual o maior salário mínimo do mundo?
  • Arrotos no espaço por Mary Roach
  • Origem do Salário e do Calendário
  • Quanto renderia 1 real - Se tivesse sido aplicado em 1994

Você Sabia?

O único alimento que não apodrece é o mel.