Cotidiano

Como tirar o visto americano?

Em 2012, várias mudanças foram feitas pela Embaixada dos Estados Unidos no Brasil no sentido de facilitar o processo de obtenção do visto americano. Seis novos centros de atendimento para solicitação de visto norte-americano foram criados e um novo sistema de cadastro foi colocado em operação.

Os pedidos de visto americano podem ser feitos pela internet. Depois disso, os solicitantes recebem um número para monitorar o processo.

Conheça os endereços dos novos Centros de Pedidos de Visto Americano no Brasil:
Brasília – Edifício Venâncio 2000 SCS, Quadra 8, Bloco B – Setor Comercial Sul – Brasilia (DF)

Rio de Janeiro – Lagoa Corporate – Rua Humaitá, 275 – Humaitá – Rio de Janeiro (RJ)

São Paulo 1 – Av. José Maria Whitaker, 370 – Vila Mariana – São Paulo (SP)

São Paulo 2 – Gualter Building – Av. São Gualter, 308 – Alto de Pinheiros – São Paulo (SP)

Recife – Comercial Bandeira – Av. Herculano Bandeira, 949 – Pina Recife (PE)

Belo Horizonte – Edifício Celta – Rua Maranhão, 310 – Loja 1 – Santa Efigênia – Belo Horizonte (MG)

Você terá que solicitar o visto nos Centros de Atendimento ao Solicitante (CASVs), entregando documentos, foto e fazendo o recolhimento de digitais. Os centros funcionam de segunda a sexta-feira, das 7h às 18h, e aos domingos, das 13h às 18h.

Depois dessa etapa, você terá que passar por uma entrevista com um vice-cônsul americano nos consulados ou na embaixada. Para agendar a entrevista, acesse: http://brazil.usvisa-info.com.

Agora, o processo para que o brasileiro solicite o visto norte-americano está mais rápido e mais barato. Os gastos para emissão do visto ficam em torno de US$ 160, pois agora a cobrança é feita em taxa única.

Veja as 16 categorias de visto e suas especificações:
Visto A-1/A-2 – Diplomatas & funcionários de governos estrangeiros – sem taxa

Visto A-3 – Empregado doméstico de um portador de visto A-1/A-2 – sem taxa

Visto B-1 – Visitantes a negócios, empregados domésticos, estudantes acadêmicos e pesquisadores – sem taxa

Visto B-2 – Férias, turismo ou tratamento médico – sem taxa

Visto C-1 – Trânsito pelos Estados Unidos – sem taxa

Visto C-1/D Visa – Tripulantes de aeronaves ou embarcações marítimas – sem taxa

Visto F-1 – Estudantes: acadêmicos e vocacionais – sem taxa

Visto G-1/G-4 – Funcionários de organismo internacional – sem taxa

Visto G-5 – Empregado doméstico de um portador de visto G-1/G-4 – sem taxa

Visto H – Trabalhadores temporários incluindo o estagiário (H-3) – taxa $100,00

Visto I – Jornalistas e membros da mídia – taxa $100,00

Visto J-1 – Intercambistas, Acadêmicos, Au-Pairs, Estagiários – sem taxa

Visto L – Trabalhadores temporários (transferência na mesma empresa) – $100,00

Visto L (Blanket) – Trabalhadores temporários (transferência na mesma empresa) (múltiplos estrangeiros) – taxa $500,00

Visto M – Estudantes vocacionais – taxa $40,00

Visto O or P – Pessoas com habilidades extraordinárias em Ciências, Artes, Educação, Negócios ou Atletismo – taxa $40,00

Visto Q – Intercâmbio cultural internacional – taxa $40,00

Visto R – Trabalhadores religiosos – $70,00

A partir de 2010, o visto americano passou a ter validade de 10 anos para viagens de turismo e de negócios realizadas por brasileiros. O tempo médio de espera pelo documento baixou para 20 dias.

O valor da taxa de agendamento é de R$ 38. O pagamento pode ser feito pelo site ou pelo telefone (0xx21) 4004-4950.

Passo a passo para obter o visto
1: Pague a taxa de R$38,00 de seu agendamento para a entrevista no site www.visto-eua.com.br.

2: Faça o seu agendamento de entrevista no consulado.

3: Preencha os Formulários de Solicitação de Visto (DS-160), disponíveis no site.

4: Pague a taxa de solicitação nas agências autorizadas do Citibank.

5: Reúna os documentos solicitados – formulários, passaporte válido por pelo menos seis meses, uma foto 5×5 ou 5×7 com fundo branco, comprovante de pagamento da taxa de solicitação e documentos que comprovem seus vínculos com o Brasil, entre eles: carteira de trabalho, declaração de imposto de renda da pessoa física, contracheques, certidão de casamento/nascimento, extratos bancários, documento de carro, documento de bens, declaração da escola, declaração do empregador, imposto de renda da pessoa jurídica e certidão recente do CNPJ, no caso de empresários ou sócios de empresas.

6: Passar por entrevista.

7: Se tiver o visto for concedido, pagar a taxa de visto.
Como tirar o visto americano?

Você pode gostar também

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais em:Cotidiano