CuriosidadeCotidianoOnde morre mais gente? No Brasil ou na Guerra da Síria?

Onde morre mais gente? No Brasil ou na Guerra da Síria?

Img Mobile - Onde morre mais gente? No Brasil ou na Guerra da Síria?

O Brasil é um país que vive o aumento das taxas de homicídios a cada novo ano. É como se o Brasil fosse uma nação vivendo em uma guerra não declarada. Segundo o Mapa da Violência 2013, aproximadamente 170 mil pessoas foram mortas nos 12 maiores conflitos armados que aconteceram no planeta entre os anos de 2004 e 2007. No Brasil, morreram mais de 200 mil pessoas apenas entre 2008 e 2011.

Esta realidade é bastante preocupante. O Brasil não vive nenhuma guerra civil, é um país consideravelmente tolerante com as diferenças, não tem terroristas, mas, ainda assim, apresenta altas taxas de mortes violentas.

O Brasil tem uma taxa de 27,1 homicídios para cada 100 mil brasileiros. O número de assassinatos que acontecem no Brasil é 274 vezes maior do que em Hong Kong, 137 vezes maior do que na Inglaterra e 91 vezes maior do que na Sérvia.

Na Síria, por exemplo, morreram 191.000 pessoas desde o início da guerra, em 2011, de acordo com dados da Organização das Nações Unidas (ONU). Comparativamente, no Brasil aconteceram 56.337 mortes apenas em 2014.

O país vem quebrando recordes de violência ano após ano, e já alcançou a marca do maior número de pessoas mortas em um único ano desde 1980. Além da Síria, o total de mortos no Brasil também supera o número de vítimas no conflito da Chechênia, que durou de 1994 a 1996.



+ Sobre essa Curiosidade: Morte Violência Política

O site dos curiosos.

Curiosidades Diversas

Veja também

  • Primeiro caso humano de Hepatite E transmitida por rato
  • Curiosidades sobre a Ford
  • O que é Tripofobia?
  • O planeta terra pode ter tido mais de dois polos magnéticos
  • Curiosidades de Famosos
  • Como comprar uma casa pela Caixa Econômica Federal?
  • Bilionário chinês está fazendo fortuna vendendo ar fresco enlatado
  • Quais foram os piores presidentes do Brasil?

Você Sabia?

Em um tempo de vida médio é possível afirmar que a pele humana é renovada mil vezes.