Cotidiano

Padres católicos queimaram livros do Harry Potter na Polônia

Os religiosos alegaram que todos os livros da série são um sacrilégio. Saiba mais!

Os fãs apaixonados de Harry Potter ficariam com o coração apertado se tivessem assistido à destruição dos livros da série promovida por padres católicos na Polônia. Os religiosos queimaram as publicações do romance de fantasia e disseram que os livros são um sacrilégio. O fato aconteceu na cidade de Koszalin, ao norte da Polônia.

Os livros da autora britânica J.K. Rowling tratam de um mundo fantástico onde bruxos e humanos circulam pelas ruas de Londres. A série fala sobre a vida do jovem Harry Potter, um bruxo que se destaca na Escola de Magia e Bruxaria de Hogwarts e que luta contra Lord Voldemort, o bruxo das trevas.

Leia também: Top 10 livros mais vendidos em 2017

De acordo com os padres que queimaram as obras, eles simplesmente obedeceram à palavra de Deus. Em uma postagem do Facebook, um dos padres mostrou fotografias dos livros queimando e citou passagens bíblicas do livro de Deuteronômio, do Antigo Testamento. O texto dizia que os crentes precisavam destruir os inimigos de Deus e incluía a passagem “queimem seus ídolos no fogo”.

PUBLICIDADE

Queimando Livros do Harry Potter

A postagem também mostra três sacerdotes carregando uma cesta de livros em uma igreja e levando as publicações para uma fogueira na área externa. Fotografias dos padres rezando sobre a fogueira também foram compartilhadas.

PUBLICIDADE

Além dos livros, a fogueira também tinha outros objetos, como, por exemplo, um guarda-chuva da Hello Kitty, uma edição do livro Twilight, que trata de vampiros; e uma estatueta religiosa hindu. A página do Facebook que fez as publicações pertence à fundação evangélica católica “SMS from Heaven”, criada para divulgar mensagens cristãs. [ Fb.com/smsznieba/ ]

Muitos usuários do Facebook não acreditaram na postagem que viram e começaram a reagir. Um internauta comentou o seguinte: “Eu gostaria de acreditar que isso é uma piada. As pessoas estão queimando literatura de fantasia no século 21 em algum tipo de ritual doentio?”.

Durante o ritual, o Catecismo da Igreja Católica também foi citado, mais especificamente a seção 2117, que diz que “todas as práticas de magia ou feitiçaria estão em séria contradição com a virtude da religiosidade”.

A série de livros Harry Potter foi lançada em 1997 e virou uma franquia de sucesso no cinema. Trata-se de uma história épica do bem contra o mal, focada nas aventuras do jovem bruxo.

Cultos religiosos já criticaram a produção em vários casos por conta de seu foco em feitiçaria. Neste episódio específico, a queima dos livros e dos objetos de outras religiões foi fortemente criticada, principalmente porque, atualmente, a igreja católica da Polônia é alvo de investigações sobre diversos casos de abusos sexuais cometidos por padres. Ou seja, os religiosos têm coisas mais importantes para se preocuparem!

Fontes: The jakarta post, Sky

Sobre o Autor