CuriosidadeTecnologiaTório: a promessa da energia nuclear segura

Tório: a promessa da energia nuclear segura

Img Mobile - Tório: a promessa da energia nuclear segura

A corrida pelo desenvolvimento de combustíveis eficientes e limpos está a todo vapor. Na China, o elemento químico tório tem sido encarado como uma fonte potencial de poder. O entusiasmo para explorar esta alternativa está em ascensão.

Cientistas e engenheiros nucleares afirmam que o tório pode ser a chave para realizar o sonho de conquistar uma energia nuclear segura, barata e abundante, que poderia servir como uma fonte de energia para o mundo inteiro.


Os depósitos de tório



Os depósitos de tório no planeta Terra são quatro vezes mais abundantes que os depósitos de urânio, por exemplo. Diversos países possuem essas reservas, com destaque para China, Estados Unidos, Austrália, Turquia, Índia e Noruega.

Com cerca de 6.600 toneladas de tório seria possível fornecer energia suficiente para substituir todos os combustíveis fósseis consumidos no planeta. Por isso, diversos projetos de reatores e combustíveis à base de tório estão em andamento no mundo.

Diante das possibilidades, a Toshiba Corp criou um consórcio internacional, chamado de Thor Energy, para financiar e gerenciar experimentos.


O tório como combustível



O tório é um metal brilhante, ligeiramente radioativo. Em sua forma natural, ele não é capaz de sustentar uma reação nuclear em cadeia.

Metal tório e composição química

O elemento químico tem sido cogitado para uso em reatores de geração de energia. Esse sistema usaria sal de flúor em um ponto de ebulição extremamente elevado, com um núcleo líquido, o que evitaria o superaquecimento do reator.

Estes possíveis reatores poderiam ser muito mais eficientes do que a maioria das usinas nucleares utilizadas nos dias atuais. Em um reator de sal fundido, quase todo o combustível é consumido.

No Reino Unido, os legisladores britânicos já defendem a adoção do tório como um combustível alternativo, pois ele gera pouco desperdício e é muito menos radioativo do que o urânio.





Thorium Car



Um projeto ousado também pretende alimentar um carro de passeio com tório. Segundo os pesquisadores, esse combustível teria a capacidade de durar cerca de 100 anos, o que significa que as pessoas nunca mais teriam que reabastecer o tanque do veículo.

A empresa Laser Power Systems já criou um conceito para um motor de carro à base de tório. Obviamente, estes motores não estarão nos carros em um futuro breve, já que as indústrias têm outros objetivos financeiros no momento. Isso significa que ainda será preciso muito tempo de pesquisa e desenvolvimento, mas, certamente, em algumas décadas o combustível deve fazer parte do mercado automobilístico.



O site dos curiosos.

Veja também

  • A inteligência do coração
  • A busca do princípio - O Átomo
  • Por que a água do mar é salgada?
  • 9 coisas simples que a maioria das pessoas não consegue fazer
  • Fobias
  • Mulher pede o divórcio ao descobrir que seu marido teve 47 filhos por doação de esperma
  • As Minas do Rei Salomão
  • A evolução do cerébro humano e seu encolhimento

Você Sabia?

Nenhum ser humano consegue se matar prendendo a respiração.