CuriosidadeCotidianoSimplicidade voluntária

Simplicidade voluntária

Img Mobile - Simplicidade voluntária

Uma nova forma de vida está atraindo cada vez mais adeptos: é a simplicidade voluntária. Num mundo de tanto consumismo, esse conceito vem agradando as pessoas que desejam viver com menos bens materiais e mais tempo para ser feliz.

A simplicidade voluntária se tornou um verdadeiro fenômeno mundial. O movimento se caracteriza por pregar um um estilo de vida menos consumista. Na prática, isso significa viver com menos.

Atualmente, a simplicidade voluntária está sendo adotada por pessoas que poderiam escolher um estilo de vida consumista. Muitos sites na internet propagam as ideias da vida simples.

A base da simplicidade voluntária é o minimalismo, um movimento cultural do século passado que utilizava poucos elementos para promover a expressão. Esse movimento também reafirma a prática do desapego.

Para a simplicidade voluntária, quanto menos coisas e objetos temos, mais tempo sobra para a liberdade e para a vida. Dessa forma, a simplicidade voluntária é baseada no apelo ao desapego de bens materiais e objetos supérfluos para ganhar mais liberdade.

Ao consumir menos, as pessoas que optam pela simplicidade voluntária também ajudam a preservar os recursos naturais do planeta. De acordo com esse pensamento, a simplicidade é um ato voluntário, basta aceitá-la. A simplicidade voluntária é um estilo de vida revolucionário para a sociedade atual.



+ Sobre essa Curiosidade: Estilo de Vida Simplicidade Sociedade

O site dos curiosos.

Veja também

  • As fotos mais distantes da Terra
  • Coração de pessoas que comem chocolate é mais saudável
  • Ultrassom acelera processo de cicatrização da pele
  • Top 10 superstições mais bizarras no mundo do esporte
  • A História da Música: Tears in Heaven
  • Mistério do Naufrágio do Valbanera: Premonição e Desaparecimentos
  • Tribos indígenas tiram a vida de bebês com deficiência física
  • 10 maneiras estranhas de estimular o sono

Você Sabia?

O chocolate ao leite foi inventado por Daniel Peter e vendido ao seu vizinho, Henri Nestlé.