Erupção do Vesúvio

A erupção do Vesúvio aconteceu em 79 d.C e se destacou como uma das mais devastadoras da história da humanidade. A catástrofe destruiu as cercanias romanas de Pompéia e Herculano.

Nessa erupção, o Vesúvio espalhou uma densa nuvem de rochas, cinzas e fumaça. A poeira do vulcão alcançou uma altura de 30 quilômetros.

A destruição do vulcão resultou na morte de 16 mil pessoas em Pompéia e Herculano. A temperatura no local chegou a 700 °C.

Os destroços de Pompéia começaram a ser escavados em 1860. A partir desse ano, os arqueólogos passaram a descobrir as construções da cidade e os corpos decompostos de mais de 1000 vítimas.

A erupção, que durou cerca de dois dias, contou com uma explosão sem precedentes. A força do vulcão destruiu muitas estruturas e acabou incenarando ou sufocando os habitantes da região que não conseguiram fugir. Os gases tóxicos lançados pelo vulcão também foram extremamente mortais.

As cidades de Pompéia e Herculano sumiram do mapa. Atualmente, milhares de turistas visitam a região todo ano para ver os destroços dos templos, afrescos, arenas e prédios públicos que foram destruídos e ficaram desconhecidos até o século XVIII.

Hoje, a região de Pompéia e Herculano faz parte de um Parque Arqueológico. As visitas custam 11 euros e acontecem durante o ano todo.



+ Sobre essa Curiosidade: Vulcão Terremotos

O site dos curiosos.

Curiosidades Diversas

Veja também

  • O melhor metal condutor...
  • Uma compilação de OVNIS feita pela NASA
  • Quais os meteoros que mais põe em risco a vida na terra?
  • O Criador dos Prêmios Nobel
  • Linha do Tempo das Grandes Invenções
  • Quais os maiores prazeres da vida?
  • Conheça a mulher com a melhor visão do mundo
  • Os 15 lugares mais aterrorizantes para ficar sozinho

Você Sabia?

Os elefantes são os únicos animais do planeta que não conseguem pular.