Inicio da Ciência na Investigação de Crimes

O valor da ciência na investigação de crimes foi demonstrado pelo médico inglês Bernard Spilsbury.

Em 1910, provou que o cadáver mutilado de uma mulher, envenenada com arsênico, era o de Belle Crippen.

O marido alegava que ela o abandonara e fugira com um amante.

A identificação foi possível graças à cicatriz em um pequeno retalho de pele da barriga.

Belle fora operada alguns anos antes.



+ Sobre essa Curiosidade: Bernard Spilsbury Investigação de Crimes

O site dos curiosos.

Veja também

  • As 10 cenas mais estranhas já flagradas no metrô
  • Quais as diferenças entre peso neto, peso líquido e peso bruto?
  • O que é a Bibliofobia?
  • Funcionamento da ATP no cérebro
  • Quais são os principais crimes hediondos no Brasil?
  • Por que não deve colocar peróxido de hidrogênio (Água Oxigenada) nas feridas?
  • Por que sonhamos?
  • Curiosidades sobre Icebergs

Você Sabia?

Nenhum ser humano consegue se matar prendendo a respiração.