Ciências

Realidade Chocante: Coca-Cola e outros refrigerantes podem causar disfunção erétil

Saiba como as bebidas gaseificadas consumidas em excesso podem afetar a saúde do seu pênis e seu desempenho sexual!

Se você é viciado em Coca-Cola, Pepsi e outros refrigerantes, precisa saber que o consumo em excesso dessas bebidas pode afetar seu desempenho sexual. Pesquisadores concluíram que as bebidas gaseificadas podem causar sérios prejuízos à saúde sexual masculina, como maior risco de disfunção erétil e baixa contagem de espermatozoides.

Um estudo recente descobriu que os homens que bebem mais Coca-Cola têm uma maior disposição a desenvolver problemas no desempenho sexual. A realidade chocante é a seguinte: beber um litro de refrigerante por dia pode reduzir a contagem de esperma em até 30% e levar à disfunção erétil.

A investigação foi realizada no Hospital Universitário de Copenhagen, na Dinamarca, e mostrou que homens classificados como viciados em refrigerantes têm espermatozoides menos eficazes do que os homens que evitam a bebida.

O estudo analisou 2.554 homens, e encontrou viciados em Coca-Cola com uma contagem média de 35 milhões de espermatozoides por mililitro, em comparação com 56 milhões por mililitro entre aqueles que não consumiam a bebida em excesso.

PUBLICIDADE

Embora a contagem de 35 milhões de espermatozoides ainda esteja dentro do intervalo normal, ela coloca os homens em maior risco de eventualmente tornarem-se inférteis. O estudo também descobriu que o resultado não tinha ligação com os níveis de cafeína no refrigerante e nas outras bebidas. Portanto, a redução na contagem de espermatozoides foi causada por outro ingrediente.

Disfunção Erétil

Outro estudo realizado por cientistas da Universidade de Copernicus Nicolaus e pelo Hospital Memorial de Bydgoszcz, na Polônia, apontou que beber muito refrigerante e outras bebidas gaseificadas também aumenta as chances de os homens sofrerem de disfunção erétil. Os cientistas observaram que para obter uma ereção o homem depende de muitos fatores, e que certos ingredientes encontrados nos refrigerantes afetam os aspectos físico e psicológico do indivíduo, prejudicando sua capacidade sexual.

Acredita-se que o adoçante das bebidas possa danificar as artérias do pênis, possivelmente impedindo que o sangue circule livremente através do músculo.

PUBLICIDADE

Os cientistas concluíram que beber uma lata de refrigerante de vez em quando não causa tais efeitos secundários alarmantes, mas, para aqueles que consomem a bebida muitas vezes ao dia, a indicação é buscar o controle ou a mudança desse hábito.

Fonte: Mirror.