CuriosidadeCiências6 estudos malucos realizados no mundo

6 estudos malucos realizados no mundo

Img Mobile - 6 estudos malucos realizados no mundo

Os seres humanos sempre buscaram respostas na ciência e na pesquisa, mas alguns estudos realizados no mundo chamam a atenção por serem realmente malucos, quase sem propósito para nós que somos leigos.

Conheça 6 pesquisas inusitadas feitas por pesquisadores internacionais!



1 – Para onde os cachorros olham quando fazem cocô - Uma equipe de cientistas da Alemanha e da República Tcheca decidiu pesquisar para onde os cachorros olham quando estão fazendo cocô. Os pesquisadores observaram 70 cães, de 37 raças diferentes, durante dois anos inteiros. Eles chegaram a documentar 1.893 defecações e 5.582 micções. Como resultado, os cientistas determinaram que os cães "preferiam excretar com o corpo alinhado ao longo do eixo Norte-Sul, sob condições de campo magnético mais calmas". A pesquisa mostrou que os cães são sensíveis ao campo magnético da Terra.

Cachorro fazendo cocô

2 – Cães menores levantam suas pernas a alturas mais altas quando fazem xixi - Uma pesquisa feita na Cornell, com vários cachorros machos de todos os tamanhos, realizou medições de suas marcas de urina na parede. Os cientistas também calcularam o ângulo exato em que cada cão levantava a perna para fazer xixi. Com isso, eles descobriram que cães menores levantam consistentemente as pernas em um ângulo mais alto. Os pesquisadores acreditam que os cães menores colocam suas marcas de xixi em alturas mais elevadas para parecerem maiores do que são e "exagerarem sua capacidade competitiva".

3 – Morcegos fazem sexo oral - Pesquisadores passaram dois verões observando uma colônia de morcegos. Eles documentaram 57 sessões de acasalamento durante 1.170 horas de observação. No estudo, eles descobriram que 70% dos casais de morcegos praticavam sexo oral. Os cientistas supõem que o aumento do tempo de duração da relação sexual possa melhorar a fertilidade da espécie.

Morcegos dormindo

4 – Efeitos negativos de engolir espadas - Um estudo avaliou os possíveis efeitos colaterais dos engolidores de espadas que trabalham em circos e shows. Os pesquisadores contataram 110 membros da associação internacional Sword Swallowers, 46 deles consentiram em participar do estudo. A pesquisa concluiu que o efeito colateral mais comum nessas pessoas é a dor de garganta, além de dor no peito e nos pulmões.

Mulher engolindo espada

5 – Por que o café sempre cai quando caminhamos com a xícara ou copo? - Em 2012, o governo dos EUA pagou US$ 170.000 para a UC Santa Barbara estudar por que o café transborda quando a gente anda com ele. Ao final do estudo, os pesquisadores concluíram que o café transborda por causa da "interação entre o movimento complexo do copo, devido à biomecânica do indivíduo andando e a baixa viscosidade dinâmica do líquido". Parece óbvio, não?

6 – Patos homossexuais e adeptos da necrofilia - Um ornitólogo chamado Kees Moeliker, que atuava no Museu de História Natural de Roterdã, observou durante 75 minutos um pato macho que copulou com outro pato macho que estava morto. O pesquisador acredita que o acasalamento forçado não é incomum entre os patos e que um em cada dez pares de patos mantém relações com o mesmo sexo. Além disso, o cientista constatou que os patos podem ser adeptos da necrofilia, ou seja, eles podem copular com animais que já estejam mortos.

Patos homossexuais e adeptos da necrofilia


Veja também:

20 Fatos históricos que ajudaram a transformar o mundo



+ Sobre essa Curiosidade: Estudo

O site dos curiosos.

Curiosidades Diversas

Veja também

  • 9 mistérios da Terra que os cientistas não conseguem explicar
  • Hertz
  • A origem dos números e a curiosidade de seus formatos...
  • A real existência dos Illuminatis
  • Top 10 Atores indianos mais bem pagos da história
  • Facebook paga 25.000 libras esterlinas para hackers do bem
  • Por que o voto no Brasil é obrigatório?
  • As 10 fotos mais misteriosas já tiradas

Você Sabia?

Ficar acordado por 2 semanas pode levar à morte.