CuriosidadeCiênciasBactérias transformam esgoto em energia limpa

Bactérias transformam esgoto em energia limpa

Img Mobile - Bactérias transformam esgoto em energia limpa

Um estudo realizado por cientistas da Espanha comprovou que bactérias roxas podem ser usadas para armazenar energia e para recuperar resíduos orgânicos, como, por exemplo, para transformar esgoto em energia limpa.

A chamada bactéria fototrófica roxa tem a capacidade de recuperar 100% do carbono de qualquer tipo de resíduo orgânico quando alimentada com uma corrente elétrica. Dessa forma, ela pode ser usada para gerar gás hidrogênio para uso como combustível.

As bactérias poderiam agir sobre compostos orgânicos do esgoto doméstico e de efluentes industriais, que são uma fonte potencial de energia. Os pesquisadores descobriram uma solução que é ecologicamente correta e econômica. Segundo a pesquisa, publicada no Frontiers in Energy Research, as bactérias fototróficas roxas são a chave dessa descoberta.

Estação de tratamento de esgoto

"Um dos maiores problemas atuais nas estações de tratamento de águas residuais são as altas emissões de carbono", disse o coautor do estudo, Dr. Daniel Puyol, da Universidade Rei Juan Carlos, na Espanha. "Nosso processo de biorrefinaria à base de luz poderia fornecer um meio de colher energia a partir de águas residuais, com zero pegada de carbono."

O pesquisador completou: "As bactérias fototróficas roxas constituem uma ferramenta ideal para a recuperação de recursos a partir de resíduos orgânicos, graças ao seu metabolismo altamente diversificado".

Esse tipo de bactéria cresce mais rápido e pode gerar gás hidrogênio, proteínas ou um tipo de poliéster biodegradável como subproduto do seu metabolismo. O produto metabólico resultante depende diretamente das condições ambientais da bactéria, como a intensidade da luz, a temperatura e os tipos de orgânicos e nutrientes disponíveis.

A primeira descoberta importante do grupo de pesquisa foi que as bactérias púrpuras podem ser usadas para produzir biocombustível a partir de compostos orgânicos normalmente encontrados no esgoto. Este foi o primeiro caso relatado de uma bactéria em um sistema bioeletroquímico.

Os pesquisadores acreditam que, ao capturar o excesso de CO2 produzido por essas bactérias roxas, possa ser possível reduzir as emissões de carbono na atmosfera e, além disso, refinar o biogás a partir de resíduos orgânicos para uso como combustível. Os resultados da pesquisa foram bastante animadores, mas os cientistas ainda devem continuar avaliando as características dessas bactérias para novos avanços no estudo. A pesquisa foi divulgada no dia 13 de novembro de 2018 e seus resultados completos podem ser conferidos no estudo chamado de “Biological and Bioelectrochemical Systems for Hydrogen Production and Carbon Fixation Using Purple Phototrophic Bacteria”.


Fonte: Science Daily.


Veja também:

Pesquisa propõe transformar dióxido de carbono em combustível industrial



+ Sobre essa Curiosidade: Esgoto Energia limpa Eletricidade Bactéria
Comentários:

Curiosidades Relevantes

Nos siga

O site dos curiosos.

Curiosidades Diversas

Veja também

  • Simulação japonesa de um impacto de meteoro sobre a terra
  • Os benefícios do parto normal para as mulheres
  • As 50 Melhores Pérolas de Galvão Bueno
  • Curiosidades sobre a Record
  • Por que cortar cebola nos faz chorar?
  • Esperma pode provocar alergia e até morte
  • O Regelo de Tyndall
  • Projeto Manhattan - A Primeira Bomba Atômica da História

Você Sabia?

A pele humana é renovada 1.000 vezes ao longo da vida.