Mundo Bizarro

Jovem afegão ficou 15 anos com um lápis em seu cérebro

O jovem sofreu de dores de cabeça e sangramentos no nariz durante os 15 anos que o lápis ficou alojado em seu crânio.

Um jovem afegão de 24 anos passou por uma situação inusitada. Durante 15 anos, ele sofreu de dores de cabeça, problemas de visão e sangramentos no nariz.

Os problemas não tinham um motivo ou diagnóstico aparente. Foi quando os médicos descobriram o que causava tanto sofrimento: o jovem havia passado os 15 anos com um lápis dentro do cérebro.

O caso foi diagnosticado na Clínica Universitária de Aix-la-Chapelle, na Alemanha, onde o jovem se submeteu a um exame de ressonância magnética. Os médicos encontraram o corpo estranho, que tinha cerca de 7 centímetros de comprimento.

O afegão afirma não saber como o lápis foi alojado em seu cérebro. A suspeita é que o acidente tenha acontecido durante a adolescência, por volta dos 15 anos. Ele só se recorda que numa ocasião tropeçou na escola.

PUBLICIDADE

O jovem foi operado numa clínica especializada em cirurgias na boca, na mandíbula e na face. Os médicos retiraram o lápis do crânio do paciente. O jovem não teve seu nome divulgado, e se recuperou bem depois da operação.