CuriosidadeCiênciasPesquisadores engoliram peças de Lego em testes de segurança

Pesquisadores engoliram peças de Lego em testes de segurança

Img Mobile - Pesquisadores engoliram peças de Lego em testes de segurança

Uma equipe de médicos realizou uma pesquisa com peças de Lego, para entender o potencial de risco que o brinquedo oferece para crianças pequenas. Em uma iniciativa extrema, os pesquisadores engoliram pedaços de Lego para ver quanto tempo eles levavam para atravessar o corpo e sair nas fezes.

Os resultados da pesquisa foram publicados na edição de dezembro do Journal of Pediatrics and Child Health. O estudo serve de alerta para muitos pais, já que é comum a ocorrência de crianças que engolem peças pequenas do brinquedo. [ Veja o estudo ]

Os seis profissionais de saúde envolvidos na pesquisa são pediatras e trabalham para o site Don't forget the Bubbles, com bases no Reino Unido e na Austrália. Todos os médicos engoliram a cabeça de um personagem Lego e anotaram quanto tempo levou para o corpo excretá-la.

De acordo com os especialistas, pequenos brinquedos são o segundo item mais engolido pelas crianças, perdendo apenas para as moedas. A equipe apresentou duas medições para o experimento: a pontuação de dureza e trânsito de fezes e o tempo necessário para que a peça de Lego saísse do corpo humano.

bonecos de lego

Em geral, os médicos descobriram que a peça de Lego demora aproximadamente 3 dias para ser excretada pelo corpo. Em um dos médicos participantes, a peça não foi encontrada, mesmo depois de analisar as fezes por duas semanas consecutivas. Nenhum membro da equipe relatou quaisquer efeitos colaterais ou dor por causa do experimento. A consistência das fezes também não foi afetada pela presença do brinquedo.

O estudo concluiu que um objeto pequeno, como um brinquedo, consegue passar rapidamente pelo sistema digestivo de um adulto, sem complicações evidentes. Isso pode tranquilizar um pouco os pais. Contudo, os médicos dizem que, em crianças, os resultados poderiam ter sido diferentes.

Os pesquisadores ressaltaram que as pessoas não devem tentar replicar o estudo em casa e que os pais devem contatar um médico imediatamente caso estejam preocupados com o fato de o filho ter engolido um brinquedo.

médico com a peça de lego na mão

A pesquisa foi feita por médicos australianos. O estranho experimento aconteceu na Universidade de Melbourne.

Assista ao experimento:


Segundo Tessa Davis, consultora em medicina de emergência pediátrica no Royal Hospital, em Londres, apesar de inusitado, o estudo serve para tranquilizar os pais e informar que o pequeno brinquedo sai do corpo humano em até 3 dias. A Dr. Davis acrescentou que o experimento foi válido para o avanço da ciência e para o atendimento de emergências pediátricas.

A equipe do estudo foi liderada por Andrew Tagg, consultor de medicina de emergência do Western Hospital Footscray, da Austrália. Vale dizer que o tempo estimado para que o Lego saia nas fezes é mais rápido do que o tempo necessário para a excreção de uma moeda, por exemplo.

Lembre-se: Não faça isso em casa!



+ Sobre essa Curiosidade: Bebê Criança Lego Saúde

O site dos curiosos.

Curiosidades Diversas

Veja também

  • Simulação japonesa de um impacto de meteoro sobre a terra
  • Equipe médica retirou uma lagartixa do interior da orelha de uma mulher
  • Qual o atleta olímpico a ganhar mais medalhas?
  • Curiosidades sobre o WD 40
  • Homens podem se sentir ameaçados por chefes do sexo feminino
  • Branqueamento de Corais
  • Avistamentos de OVNIs em 2016: pilotos turcos relatam aparições de UFOS
  • A Teoria de 80 por 20

Você Sabia?

O isqueiro foi inventado antes do fósforo.