CuriosidadeCiênciasDiferenças entre a bomba atômica e bomba de hidrogênio

Diferenças entre a bomba atômica e bomba de hidrogênio

Img Mobile - Diferenças entre a bomba atômica e bomba de hidrogênio
Img - Diferenças entre a bomba atômica e bomba de hidrogênio




O mundo conhece duas armas poderosas e com enorme capacidade de destruição em massa: a bomba atômica e a bomba de hidrogênio. Basicamente, esses dois tipos de bombas podem ser considerados atômicos, mas existem algumas diferenças entre elas, principalmente no que diz respeito ao processo de obtenção de energia por meio de átomos para a explosão.

Na bomba nuclear, os núcleos de urânio são transformados em átomos mais leves. O urânio perde massa e se transforma em energia. A bomba atômica foi usada pelos norte-americanos contra a cidade japonesa de Hiroshima durante a Segunda Guerra Mundial.

Em relação ao potencial de destruição, a bomba atômica equivale a 15 mil toneladas de dinamite. A força da bomba atômica é inacreditável, mas não chega nem perto do poder destrutivo da bomba de hidrogênio, considerada a arma mais mortal do mundo.

Na bomba de hidrogênio, a quebra dos átomos provoca a fusão dos núcleos e envolve dois átomos de hidrogênio para dar origem a um átomo de hélio. Uma parte pequena da massa do hidrogênio se perde e, depois, se transforma em pura energia. Em resumo, uma explosão da bomba de hidrogênio pode ser 5 mil vezes mais forte do que a bomba atômica de Hiroshima.

Confira mais diferenças entre a Bomba Atômica e a Bomba de Hidrogênio:



Bomba Atômica


Destruiu Hiroshima, no Japão, em 1945. A explosão começa com uma carga de explosivo convencional, como, por exemplo, a dinamite. O urânio-235 provoca reações de fissão. A quebra dos núcleos dos átomos libera a energia.

Assista ao vídeo que simula como foi a explosão atômica ocorrida em Hiroshima, Japão:



Bomba de Hidrogênio


Não utiliza explosivo convencional. Uma bomba atômica é usada para provocar a explosão do lítio. Os átomos isótopos do hidrogênio se unem e formam um átomo de hélio, responsável pela energia da bomba.

É importante dizer que a bomba de hidrogênio nunca foi usada para fins militares, como aconteceu com a bomba atômica na Segunda Guerra Mundial. A arma mais destrutiva do mundo foi usada em testes e depois teve sua produção proibida.


O então presidente dos Estados Unidos, Harry Truman, foi quem autorizou a fabricação da primeira bomba de hidrogênio. O teste aconteceu no dia 1 de novembro de 1952 e provocou uma explosão de 10,4 megatons.

Veja como foi esse teste:



Assista ao teste de uma Bomba de Hidrogênio, ocorrido em 28 de fevereiro de 1954, nas Ilhas Marshall: A explosão liberou uma energia equivalente a 15 megatons, ou, 15.000.000 de toneladas de TNT.


Assuntos relacionados:
Efeitos de uma Explosão Nuclear

Bombas nucleares perdidas no mar





Img - Diferenças entre a bomba atômica e bomba de hidrogênio
+ Sobre essa Curiosidade: Bomba Atômica Guerra Nuclear Hiroshima
Comentários:

Curiosidades Relevantes

  • Quem inventou a bomba atômica?

    A primeira bomba de fissão nuclear foi criada em 1945 por uma equipe de cientistas liderada por J. Robert Oppenheimer. Os primeiros testes aconteceram no di...
    Leram 83629 Vezes