CuriosidadeCiênciasHenrietta Lacks, Uma imortal entre nós

Henrietta Lacks, Uma imortal entre nós

Img Mobile - Henrietta Lacks, Uma imortal entre nós

Famosa no meio científico, Henrietta Lacks nasceu em Roanoke em 1 de agosto de 1920. Era descendente de escravos e trabalhava numa lavoura de tabaco para sustentar cinco filhos. Por volta dos 30 anos de idade, Lacks começou a sentir fortes dores no útero, condição que tentou a todo custo esconder da família.

Com o avanço da enfermidade e consequente hospitalização, Henriquetta foi diagnosticada portadora de uma espécie nunca vista de tumor cervical. Sem o seu consentimento, suas células foram enviadas a um pesquisador do Johns Hopkins Hospital e passaram a ser cultivadas em laboratório.

O fato chamou atenção da comunidade científica por se tratar de um câncer que produzia metástases incrivelmente rápidas, numa velocidade nunca antes observada. A doença foi tão agressiva que Henriquetta Lacks veio a óbito em 4 de outubro de 1951.

No entanto, suas células ainda estão preservadas em laboratório, servindo como matéria-prima para diversos estudos sobre a longevidade. Mesmo fora do corpo de origem, as células continuam a se reproduzir como se estivessem vivas.

Essa linhagem de células foi batizada de HeLa, em homenagem à doadora, e são consideradas imortais por serem capazes de se dividir compulsoriamente, de forma ilimitada, desde que as condições apropriadas sejam mantidas.



+ Sobre essa Curiosidade: Vida Morte Imortalidade

O site dos curiosos.

Curiosidades Diversas

Veja também

  • Curiosidades da Coreia do Sul
  • Quem inventou o esmalte de unha?
  • O DNA dos alimentos que ingerimos interage com o nosso DNA?
  • O que é Educação Corporativa?
  • Qual a melhor mágica já apresentada?
  • Monstro do Lago Ness
  • Placas Padrão MERCOSUL
  • 15 motivos para querer ser rico

Você Sabia?

É impossível lamber seu próprio cotovelo.