CuriosidadeLendas UrbanasAs Bruxas de Salém não morreram queimadas vivas

As Bruxas de Salém não morreram queimadas vivas

Img Mobile - As Bruxas de Salém não morreram queimadas vivas

Os julgadores das Bruxas de Salém poderiam estar sofrendo algum tipo de doença física e alucinações causados por ingerir pão de centeio contamidado. E os métodos de execução era no geral enforcamento.

Naquela época realmente existiu o julgamento de bruxas em Salém, Massachusetts, EUA, no ano de 1692. Nesse ano 20 pessoas foram condenadas à morte, porém ninguém foi queimado vivo na fogueira. Todos os condenados, exceto um, foram condenadas a forca. E apenas uma pessoa foi morta esmagada por pedras pesadas.

Não encontraram nenhuma prova concreta da prática de bruxaria para essas pessoas. Historiadores acreditam que essas pessoas sofreram perseguição por uma população que sofria de histeria em massa. Acredita-se também que os julgadores das Bruxas de Salém poderiam estar sofrendo algum tipo de doença física e alucinações causados por ingestão pão de centeio contamidado.



+ Sobre essa Curiosidade: Bruxa Bruxaria Bruxas de Salem Fogueira